Entre em contato: (11) 3676-0635 e (11) 9 9611-4805

A ética do cuidado

A ética do cuidado

Textos dedicados a este subtema têm duas fontes de inspiração: a primeira, no campo da filosofia, é o Heidegger de Ser e tempo, fenomenólogo do ser-no-mundo como ser-com-outro e da preocupação pelo existir e pelo sentido de existir do outro; a segunda, no campo das teorias factuais, é a teoria do surgimento de responsabilidade pelo outro e pelos outros, que faz parte da teoria winnicottiana do amadurecimento humano sadio. Nesse contexto, tentei, entre outras coisas, definir o conceito de um dever, que é um ter-que-ser surgindo da própria estrutura do relacionamento humano e que se impõe como uma condição de possibilidade de uma vida que valha a pena ser vivida.

• 1995

( 1 ) 75. Loparic, Z. (1995). Ética e Finitude. São Paulo: Educ. Edição na forma de livro de (67). Segunda edição em (154).

• 2003

( 2 ) 146. Loparic, Z. (2003). Sobre a responsabilidade. Porto Alegre: EDIPUCRS.

• 2007

( 3 ) 191. Loparic, Z. (2007). Ética originária e práxis racionalizada. In Dall´Agnol, D. (org.), Verdade e respeito - A filosofia de Ernst Tugendhat (pp. 263-344). Florianópolis: UFSC. Reedição de (129)(182).  

• 2008

( 4 ) 204. Dias, E. O. & Loparic, Z. (2008). O modelo Winnicott de atendimento ao adolescente em conflito com a lei. Winnicott e-Prints, série 2, 3(1/2), 47-60.

• 2011

( 5 ) 224. Loparic, Z. (2011). A ética da lei e a ética do cuidado. Caderno de Resumos do XVI Colóquio Winnicott Internacional (pp. 29-30). São Paulo: DWW Editorial.
( 6 ) 232. Loparic, Z. (2011). A existência psicossomática e a ética do cuidado. Caderno de resumos do I Colóquio Internacional Winnicottiano. IV Colóquio Winnicott do Triângulo Mineiro (p. 24). (Resumo)

• 2013

( 7 ) 238. Loparic, Z. (2013). Apresentação. In Z. Loparic (org.), Winnicott e a ética do cuidado (pp. 7-10). São Paulo: DWW Editorial.